Enquete: Você gostou da história?
Esta enquete está encerrada.
Sim.
85.71%
6 85.71%
Não.
14.29%
1 14.29%
Nim.
0%
0 0%
Total 7 votos 100%
* Você votou neste item. [Mostrar Resultados]

[Fanfic Interativa]Rebuild of Oreimo ~ tr00 r0ut3~: Round 1 - fim - "Bom barco"


Tópico em 'Fanfics & Fanworks' criado por jasque em 07/09/2013, 00:52.
Páginas (15): 1 2 3 4 5 ... 15 Próximo »
144 respostas neste tópico
 #1
Nessa fanfic iremos alterar o final de Oreimo, desde antes dos ovas da segunda temporada do anime, ou volume 12 da Light Novel. 
Os membros do fórum farão uma escolha por enquete a cada 'capítulo' definindo os rumos da história.

No começo vai ter muitas opções, porque... vocês vão ver, vai ser engraçado lol
Já que eu não vou precisar escrever todas as escolhas então não faz diferença, eu só vou fazer as que estiverem ganhando...
Inicialmente eu vou colocar votos múltiplos, vamos ver no que vai dar.
(eu escrevo muito mal, apenas mantendo a chama viva aqui)

Se alguém quiser me enviar material pra rota de alguma personagem me mande por mp que eu tento encaixar...
 

Spoiler: prólogo  
Rebuild of Oreimo ~tr00 r0ut3~: Prólogo
(Baseado no prólogo do Volume 12 da Light Novel Ore no Imōto ga Konna ni Kawaii Wake ga Nai.)

Essa história teve seu início há 1 ano, no verão. Seu estopim foi um eroge. E em breve ela chegará ao seu desfecho.

É Novembro...

Ruri e Kirino estão reunidas na casa de Ayase, em seu quarto, para conversar.

Spoiler: bgm  


Kirino suspira e pergunta:

-E aí? Porque a Kuroneko me chamou aqui? O que houve?
-Tem algo que eu e Kuroneko precisamos contar para você, Kirino.- diz Ayase.
-Para mim? Você e a Kuroneko?
-Sim... Tem muitas coisas que quero dizer... Hã,  na verdade essa ideia foi da Tamura-senpai.

Ao ouvir esse nome, Kirino fica em alerta instantaneamente.

-...E ela fez o drama de sempre?
 -Não...Não é isso.
-... Entendo. Então, o que ela disse?
-Onee-san disse 'Eu acho que a Kirino vai chorar em breve. Antes da formatura, eu quero fazer com que eles voltem a ser irmãos normais.'

Kirino arregala os olhos, surpresa.

-...Hum, entendi.
-Kirino, você sabe o que ela quis dizer?- perguntou Kuroneko.

Kirino sorri e diz:

-Não é como se eu não soubesse... hum... Como posso dizer, ela quer que nós façamos as pazes.
-Obrigado por me avisarem. Mas não se preocupem. Eu já a odiava desde muito tempo atrás. Não importa o que ela dissesse nada iria mudar. O mais importante nessa conversa não é a Manami ou eu- Kirino para de falar por um momento.
-Eu tenho que me preparar. Mas não tem muito tempo... hahaha. Mas então, o que mais vocês queriam me falar?

-...Tem mais uma coisa... Kirino.- disse Ayase.
-Eu me declarei.
-Ah, verdade?

-Sim...
-Ah, isso é bom! Porque você nunca me falou sobre essas coisas, cheguei a pensar que você não era chegada em rapazes! Haha, quem diria. Ayase finalmente tem um namorado! Você tem que me apresentar ele depois!

-Mas... eu não tenho certeza se vamos namorar.
-Como assim? Tem um cara nesse planeta que conseguiria rejeitar a Ayase?
-Quanto a isso... Ai!

[Imagem: R1pkbCq.jpg]

Kuroneko aperta o pulso de Ayase, e a encara.

- O que houve? – pergunta Kirino confusa.
-Kirino... Eu vou me declarar para seu irmão.

-....Ah.
-Tá certo. Faça como bem entender. Mas...!

Spoiler: bgm  


Kirino olha pro outro lado, antes de olhar para Ayase novamente.

-Ayase... você fez as pazes com a Kuroneko, você já sabe porque ela terminou com o Kyousuke, não?
-... Eu sei. É porque você não quer que o onii-san tenha uma namorada, não é isso, Kirino?

-Mesmo sabendo disso, ainda vai se declarar pra ele?
-Sim.

-...Além disso, você não odeia ele, Ayase? Foi por isso que eu te escolhi pra tomar conta dele... Você mentiu para mim?
-Não! ... Eu não menti. Eu odeio ele. Eu sempre o odiei. Ou eu pensava assim. Mas... depois de tantas conversas... depois de ele ter ajudado a  gente a fazer as pazes...Eu não sabia como agradecê-lo. Ele sempre nos ajudou, sempre fez tudo que podia por nós...Eu não sei quando eu comecei a gostar dele. Eu não consigo colocar isso em palavras. É por isso que...

-Mesmo que nos separemos por causa disso, você ainda assim vai se declarar?
-Não. Também não é assim...

-Então, por que...
-Eu amo a Kirino tanto quanto eu amo o Onii-san! Eu vou usar meu método próprio, que é diferente do da onee-san, para restaurar a relação entre a Kirino e o onii-san! Eu me declarei para o onii-san para que nós possamos ficar juntos... Podemos continuar todos juntos, Kirino! Eu, você e o onii-san, Kirino! Eu não vou desistir! Você tem alguma coisa contra isso?

[Imagem: zzFagCX.jpg] 

-...Agora há pouco.
-Sim?

-...Agora há pouco eu disse “Faça como bem entender”... Mas...você poderia... por favor, espere até a nossa formatura.
-... O que vai acontecer depois da formatura?- perguntou Kuroneko, sem segurar a ansiedade.

-Eu preciso resolver muitas coisas antes da formatura. Até mesmo eu sei que a situação atual não é nada boa. Então... Espere pelo menos alguns poucos meses.
-Eu não vou concordar com isso. E você?- Kuroneko perguntou friamente para Ayase.

[Imagem: 1BQ5PTR.jpg] 

-Eu vou deixar bem claro também: antes da formatura, eu vou me declarar para ele de novo.

[Imagem: YdIQ7hu.jpg] 

Kirino range os dentes.
-Porque você diz isso!? Até você, Ayase...! Mesmo que você se declare, é inútil! Porque aquele idiota é um siscon sem salvação!
-Eu sei muito bem. Mas ambas vamos nos declarar para ele justamente por isso!
Kuroneko concorda.

-Ouça a Kuroneko. Kirino, porque você tem que mentir para si mesma? Você continua mentindo pra si até mesmo agora. Você não deveria fazer isso. Não me diga que eu estava errada.
-Não somos boazinhas como a Tamura-senpai, que pensa “Só porque essa é a irmãzinha dele, eu vou dar uma colher de chá.”
-Kirino, você entende aonde queremos chegar?

Kirino olha para baixo e não fala nada por um tempo.

 -.....Eu vou falar! E agora vocês vão ter que ouvir!

Spoiler: bgm  
-Vocês já terminaram o falatório, certo?! Eu já entendi! Eu sou a irmãzinha mais cuti cuti do mundo, não me subestimem quando eu estou séria!
Kirino se levanta e encara as outras duas.
-Antes de eu me formar, eu vou fazer algo mais incrível do que qualquer eroge jamais faria!

-Essa não... acho que a provocamos um pouco demais.
-Ora ora, quem diria... Essa é a Kirino verdadeira... Ahahaha... Como planejei. O seu plano é como o plano de Belphegor*. Pouco me importa! Eu, Kuroneko triunfarei no final.

*Belphegor é uma personagem do anime Maschera.

[Imagem: 3y9odqg.jpg] 

É inverno. As garotas estão prontas para o ‘combate’.
Quem nosso herói escolherá?

Spoiler: abertura  


Spoiler: rodada 1  

15/12 - manhã

(Baseado em partes no capítulo 1 do volume 12)

[Imagem: Vcquzwt.jpg]

-ZzzzZZZzzz... Wah!

[Imagem: wChZiDp.jpg]

Meu nome é Kousaka Kyousuke, 18 anos, estudante.

Contaria mais sobre minha pessoa, mas nesse exato momento eu acabo de acordar de um pesadelo terrível, caí da cama, e não estou conseguindo raciocinar direito.

Vou fazer um resumo deste pesadelo:

Spoiler:  Oreimo s2: 14-16  
No pesadelo, vejam só, todas as garotas que fazem parte da minha vida(praticamente todas) se declaravam para mim uma atrás da outra. Mas eu rejeitava todas elas, porque, você não vai acreditar, eu preferia minha irmã(que sempre me tratou como um lixo, ou quase sempre) à elas. Depois de fazer essa burrada de chutar várias garotas lindas chegou o dia no qual eu me declararia a minha irmã de 15 anos, menor de idade, mas esse era o menor dos problemas. Enfim, ela aceitou. 

Porém, felicidade de pobre, assim como a de protagonista de harém de light novel dura pouco: a sociedade não estava muito feliz com a idéia. Irmão não namora com irmã, diz a sociedade. Decidimos então começar um namoro com prazo de validade: tudo terminaria após a formatura na escola, e assim foi. Fizemos uma cerimônia de casamento fake, terminamos e depois tocamos nossas vidas pra frente.

Ou foi o que a parte publicável deu a entender...Afinal, que editora/produtora iria aceitar uma história de tr00 incesto? Após o fim do trato, eu peguei a minha irmãzinha em Akihabara e taquei um beijo (na boca, não foi na bochecha caramba!). No começo ela não curtiu a idéia, mas chegando em casa a gente fez um “life counseling”, se é que conheces o termo. E foi daí pra frente que minha vida foi ladeira abaixo...

Fui deserdado, não conseguia fazer novos amigos... Nem emprego decente eu conseguia! Quem daria emprego de gente pra um siscon? No final as autoridades do Japão mandaram eu e minha irmã pra Europa do Norte, ou algo assim, não me lembro bem.

Bom, foi um sonho apenas, ou pesadelo melhor dizendo. Ainda estamos no meio do mês, segundo este calendário.

Mas...será que inconscientemente, secretamente, insanamente, ilegalmente eu desejo pegar minha irmãzinha? E será que ela me deseja também? Isso explicaria muita coisa. Acho que o melhor a fazer é colocar isto à prova!

Com esses pensamentos em mente eu me dirijo ao quarto da minha imouto, vulgo irmã mais nova em japonês.

Abro a porta do quarto dela escancarando e já saio perguntando sem cerimônias:

-Ei, Kirino, que tal sairmos juntos na véspera de Natal?
-Que? Você é idiota? Morra!

Ela nem tirou a atenção da revista que estava lendo quando respondeu.

-Tá certo, às 9 da manhã no dia 24, na frente da estação de metrô. Não vai se atrasar!
-Ei! Como você interpretou assim o que eu disse?!

-Hein? O seu “Que? Você é idiota?” não significa “Sim, me dá um beijinho ❤”?
-Nem f0%&¨50! Quem diabos falaria algo assim?

-No seu eroge, tinha uma irmãzinha que agia assim.
-Hum... a Rinko-rin? Ah, a Rinko-rin! Isso se aplica à Rinko-rin, mas no caso dela o irmão a convidou pra sair pela terceira vez. No contexto aqui “Você é idiota?” significa “Eu quero ir, mas preciso fazer doce”, já no caso da Miyabi-chan significa “Eu quero excitar meu Aniki.”

-Então, no fim você concorda comigo, não?
-Já falei que não funciona assim! Não misture ficção com realidade! O ponto é que a Rinko-rin e eu somos diferentes tipos de irmã, mesmo que a situação seja a mesma. Entendeu ou quer que desenhe?

-Você não tá com frio? Está descalça todo esse tempo.
-Me escuta quando eu falo!

 Kirino ficou com raiva e deu um soco em mim.
-Oh!

Nada mal, mas eu treinei com a Ayase, logo, desviei facilmente.

-Não é pra desviar! Pervertido!
-Há... é inútil. Esses ataques e insultos não vão funcionar.

-Isso é por que... a Ayase e a Kuroneko foram uma má influência pra você...

Err, não. Acho que a má influência foi sua. Eu cresci sendo insultado e levando voadora toda hora, com o tempo você pega o jeito.

-Voltando ao assunto, que nojo! Você fica excitado vendo sua própria irmã vestindo roupas sensuais?

Eu pergunto se ela não está com frio e ela me dá uma patada dessas? E como assim roupas sensuais?
Isso é um teste pra masoquista. Que saco.

Ela fica vermelha e cruza os braços.

-Sair com você na véspera de natal? Você é um idiota? Não, sério, você é um idiota? Você é um idiota, não é, fala aí?

[Imagem: vNqdJPj.jpg] 


Faça sua escolha na enquete lá no alto, pode votar em mais de uma opção.

[Imagem: pQRkKVW.jpg]

Spoiler: comentários  
12 de Setembro de 2013
O público votou na primeira enquete, o resultado vem a seguir:

[Imagem: ojvJXMQ.jpg]

Quais escolhas levavam a qual rota? 
Um dia saberemos.

Por ordem de votos:
  • 14-Kirino, eu sou homo, logo..
  • 12-Idiota foi quem escreveu essa Light Novel 
  • 10-Sim, eu sou um idiota, por estar perdendo meu tempo com você, sua vaca. 
  • 6-Não sou idiota, apenas siscon. 
  • 4-Você é adotada? 
  • 3-Prefiro morrer a continuar com esta conversa! 
  • 3-Acho melhor eu investir no 2d... 
  • 2-Sou idiota sou feliz, mais idiota é quem me diz! 
  • 2-Que tal irmos a um Maid Café?
  • 1-Deixa eu explicar porque devemos sair juntos na véspera de Natal. 
  • 1-Idiota não, lolicon sim.  
  • 1-Sim, afinal eu virei otaku, logo, sou um grande baka. 
  • 1-Já fui idiota antigamente, mas acho que tá na hora de mudar isso. 
  • 1-Esse mundo não poderia ser salvo apenas com a minha idiotice.
  • 1-‘Você é idiota? Nhenhenhé’, vai pastar! 
  • 1-Sonna yasashiku shinai de
  • 0-Eu vou contar tudo pra minha mãe 
  • 0-Seria idiota eu seguir carreira de modelo? 


A opção ganhadora foi:

Kirino, eu sou homo, logo..

que teve 14 votos, com um forte empurrão das fujoshis. Dois votos à frente de "Idiota foi quem escreveu essa Light Novel", mostrando a insatisfação dos leitores dos não-leitores com o autor Tsukasa Fushimi, such a shame.

A opção "Sim, eu sou um idiota, por estar perdendo meu tempo com você, sua vaca." vem logo em seguida com 10 votos. É, Kirino, acho que você não é muito popular por aqui. E um pouco atrás vem "Não sou idiota, apenas siscon." com 6, mostrando que apesar de tudo o movimento siscon ainda tem uma força, provavelmente vindo do pessoal que queria que Fushimi fosse mais além no incesto.

"Eu vou contar tudo pra minha mãe" e "Seria idiota eu seguir carreira de modelo?" receberam zero votos, mostrando que ali a criatividade do autor da fanfic já tinha se esgotado.

Enfim, será que escapamos de um bad end? Descobriremos a seguir.



Spoiler: Kirino eu sou homo, logo...  
15/12 - manhã(continuação)

-Kirino, eu...

[Imagem: O2eO8FX.jpg] 

...

-O que?

[Imagem: pJ4vzr9.jpg] 

Haha até parece que eu ia falar aquilo...

[Imagem: sjCu6Vx.jpg] 

Spoiler: bgm  

Eu tenho um segredo que não posso contar a ninguém.
Um segredo muito importante, meu segredo mais querido e repugnante.

Eu não tenho idéia do que fazer com esse segredo.
Incapaz de abandoná-lo, incapaz de ter orgulho dele, um segredo que eu não posso contar para ninguém para sempre e devo levá-lo comigo para a cova.

Apesar de não ser o melhor...
O que mais eu posso fazer?

É estranho dizer isso sobre mim, mas eu sou um estudante mediano.
Não estou em nenhum clube, não tenho nenhum hobby em especial.

Você pode dizer que levar uma vida assim é chato, mas eu acho que ser normal é importante.
Mas eu, que pareço normal para quem vê de fora, também tenho meus problemas...

-Hum... tudo bem Kirino, eu já entendi. Não vou mais tomar seu tempo.
-Espera!

Ela me puxa pela manga da camisa.
-Hã?

-Você vai desistir tão fácil?
-Você me chamou de idiota três vezes, isso só na última frase.
-Mas...

Ela me olha com uma cara chorosa.

-Kirino... acho que minha vida estava melhor antes daquele dia.
-Você está com medo? Foi algo que a megera te disse?

Megera? Ela está falando da Manami?

-...
-Kirino, me solta.

Ela solta a manga da minha camisa.
Quando eu chego na porta, antes de fechar ela por completo eu dou uma última olhada.

Kirino ainda fixa o olhar em mim.

-Você vai se arrepender...
-Eu já me arrependi. Foi no meio de nossa conversa.

Eu fecho a porta e saio.

[Imagem: jEc44pj.jpg] 

Foi mais fácil do que pensei, apesar de eu me sentir um pouco mal... com o tempo talvez eu me acostume.

Spoiler: abertura  

15/12 – Domingo – Tarde
(baseado no primeiro capítulo da Light Novel 'Ore no Imōto ga Konna ni Kawaii Wake ga Nai'  e no extra de DVD 'Eu não posso pedir conselho de vida para meu irmão')

Naquela tarde, enquanto eu falava ao celular na sala, Kirino volta de uma saída com as amigas.

-Cheguei!

Ah... eu nem a respondo e continuo conversando pelo telefone. Era um amigo meu, parece que ele queria que eu emprestasse um cd meu que ele estava curioso para ouvir.

[Imagem: DHZR84S.jpg] 

Kirino fica com raiva por eu a ter ignorado e vai embora.
Eu vou me arrumar, me troco para minhas roupas casuais.

Pego minha bolsa na mesa e me preparo para sair, pela porta da frente.
Quando eu estava para sair pela sala de estar...

-Hein?
Eu trombei direto com a Kirino. Meu ombro acerta os peitos dela.

Eu caio no chão sentado. Minha bolsa foi jogada longe como resultado. O conteúdo da bolsa se espalhou.

-Ah...
-M-me desculpe, Kyousuke...

Kirino me dá a mão para pedir desculpas.
Isso é terrível, terrível!
Pa! Eu dou um tapa na mão dela.

-Que?
Kirino recua sua mão imediatamente e me olha com seriedade.

Ah... essa não, eu tenho que, eu tenho que inventar alguma coisa... eu tenho que enganar essa idiota e expulsá-la daqui.
-... Não... não pegue em nada!

Acho que minha cara de mau deu certo, ela se afasta e fica inerte.
Eu pego as minhas coisas do chão e corro rápido pra entrada.

-Fui!
Eu fecho a porta bruscamente.

Ufa.
Finalmente o alívio.

Que aperto. As coisas complicariam se meu segredo fosse exposto...
Eu encontro com meu amigo no local combinado, damos um rolé.

Quando vamos nos despedir e eu vou entregar o cd que ele me pediu...
Foi nesse momento que eu percebo que cometi a maior burrada da minha vida.

-... Não pode ser...

-O que foi? Não está achando?

Em choque, eu continuo a procurar na minha bolsa em vão.

-... Caiu... naquela hora...
-Caiu aonde?

-Me desculpe, amigo. Eu vou procurar lá em casa, acho que caiu lá, tenho quase certeza.
-Tudo bem... está tarde, se não fosse por isso eu te ajudava a procurar.

[Imagem: aVY3ZAR.png] 

Fazemos um brofist e nos despedimos.

[Imagem: 9dpnxTI.jpg] 

Estou ferrado, estou muito ferrado.

Chegando em casa eu procuro na entrada.

Spoiler: bgm  

Nada.

-O que houve Kyousuke? O que está fazendo aí no chão?
-Que?

Em meio a minha busca, minha mãe aparece.
-É...é...Nada não... eu já encontrei o que procurava, tudo ok.

-Mesmo? Então tudo bem... Primeiro o Kyousuke e agora a Kirino. O que tem a entrada?
Eu não entendo o que ela diz.

-De qualquer forma o jantar está pronto. Vai logo se trocar.
-Ce-certo.

Eu respondo com um sorriso, e minha mãe entra na sala de estar novamente.

... pelo jeito minha mãe não pegou ‘aquilo’. Meu pai ainda não voltou... Então, outra pessoa encontrou...?
No jantar... Kirino fala com minha mãe.

-Eu vou ao mercado daqui a pouco, quer que eu compre algo?
-Ah, que tal uma carne da Friboi? É a melhor carne que tem, segundo o Tony Ramos.
-Certo.

Eu nem sabia que vendia no Japão.
Após essa conversa comum, Kirino começa uma conversa chocante.

-Sabe, eu tenho um amiga que está recentemente interessada em anime shounen... Certo. Eu acho que se chama Mordomo alguma coisa.
-Santo Sebastian!

Spoiler: bgm  

Todos olham para mim assustados.

-Er... bem... me desculpem, não estou me sentindo muito bem, eu vou subir.
-Mas, Kyousuke, você não comeu quase nada.

Minha mãe me pergunta.

-Perdão, a comida estava boa, mas... acho melhor eu descansar um pouco.
-Tudo bem...

Ela encontrou! Está com ela, certeza...
Eu subo as escadas.

Espero que... estou com sorte, está aberto!
Eu entro no quarto da minha irmãzinha e começo a procurar.
Sebastian, Sebastian... aonde te colocaram?

Eu procuro em todos os lugares, inclusive no compartimento secreto do material otaku de minha irmã... nada.

-Ora ora... o que está fazendo?
-Hein?

Uma voz veio por trás. Eu congelei.
Porque ela está aqui? Ela não ia pro mercado?

-O que está fazendo? Eu fiz uma pergunta. Você é idiota?
-.... Não é da sua conta.

-Não é da minha conta? Que nojo... você entra no meu quarto e bagunça tudo, eu sinceramente espero que tenha uma explicação muito boa.

... O jeito que ela fala me irrita. Mas dessa vez...

[Imagem: UzBJbbO.jpg] 

Eu me levanto devagar e falo...
-Vai embora.

-Nem. Responde, o que você está fazendo aqui?

Eu não posso responder isso!

Kirino anda um pouco até o laptop dela, que estava ligado em modo de descanso. Acho que é assim que chama eu não entendo de tecnologia..

-Chegue mais perto.
Diz minha irmã.

-Você vai me mostrar um eroge?
-Eu falei para chegar perto, não permiti que falasse!

Que ódio! Mas nessa situação eu não tenho muita escolha... se ela dedar pros meus pais eu estou encrencado.
Kirino dá alguns cliques, vai em ‘meu computador’ e chega na unidade de CD.

O que eu leio ali me deixa estupefato, eu não posso acreditar.
Ela dá dois cliques e o áudio começa a tocar, felizmente não muito alto o suficiente para alguém de fora escutar.

O conteúdo do cd... acho melhor vocês mesmos ouvirem, eu não estou em condições no momento para...



Antes da execução da faixa terminar(na parte que Ciel está gemendo), Kirino tira o cd da unidade e coloca na capa, que ela levava com ela.
Pelo menos termine a faixa! Fora de contexto fica pior ainda a minha situação!

Spoiler: bgm  

Se trata de um drama cd do meu anime favorito, Mordomo Negro.

Eu tenho um desejo incontrolável pelos bishounens deste anime. E eu queria muito que o meu amigo ouvisse esse em especial... Ele poderia até ser a ‘minha’ Ciel algum dia, só precisaríamos de um espartilho.

Certo, a essa altura não tenho como negar. Mas se eu não negar, os meus pais... será que eles aceitariam bem...isso? E pra piorar, minha paixão por animes bishounens é a maior! Eu até fiz um fã-clube secreto de Free...

Esse é o segredo que eu tenho dificuldade em contar para qualquer pessoa. O segredo que pertence apenas a mim....
Ok, eu menti nessa parte pra aumentar o drama(lá em cima também), já que um amigo meu também sabe.

Só ele sabe... Isso até agora!
Logo minha irmãzinha, que me odeia, tinha que descobrir!

Eu avanço em cima dela.
-Isso...!?

Infelizmente ela consegue desviar.
Eu tive todo o treinamento com a Ayase, mas nas minhas condições psicológicas atuais...

-Hehehe, então isso era seu, certo?
-... Como poderia ser meu?

Eu não posso adimitir.
Não importa o que aconteça eu tenho que me fingir de desentendido.
Essa... essa garota. Eu não quero expor meu ponto fraco para ela!

-Não? Eu achei isso na entrada... não caiu da sua bolsa naquela hora?
-De jeito algum... não é meu. U-um cd tão... duvidoso... eu nunca escutaria... algo assim.

É doloroso mentir. Negar gostar de sua coisa favorita... é muito doloroso.

-Se não procurava por isto, o que fazia no meu quarto?
-... Porque... isso foi porque!

-Porque? Porque? Eu pergunto.

Eu acho que vou chorar...
-Toma, pegue.

[Imagem: XHuAZbZ.jpg] 

Como?

-É importante pra você, não? Estou devolvendo, pode ficar.
-E-eu já disse que isso não é meu...

-Então jogue no lixo para mim.
-Hã?

O que houve? Você não gosta de me torturar?
Porque não está me xingando?

-Me desculpe, acho que me enganei. Eu sei que isso não é seu. Eu não tenho interesse nisso também, então, pode jogar fora pra mim?
... essa... essa minha irmã...

-T-tudo bem...
Eu abraço o cd em meu peito, com um senso de conforto e segurança em meu coração.

-Hum... Ei.
-O que?
Kirino responde meio nervosa.

-.... É estranho... não é?
-O que é estranho?

-Eu estou dizendo... aquilo. Vamos dizer, se, e eu digo se... aquela coisa fosse minha... você não me acharia estranho...?
-Heh. Não seja idiota. Não tem nada estranho nisso.
-.... Você acha mesmo isso? Mesmo mesmo?
-Sim. Não importa os seus hobbies, eu não vou pegar no seu pé.

[Imagem: fOtvPf8.jpg] 

As palavras que Kirino disse não eram as que eu esperava.

-Mesmo? Verdade?
-Idiota. Eu já falei. Acredite em mim.

-Então é assim... hehe

Spoiler: bgm  

Então ela não tinha intenção de me zoar.
Eu deixei o quarto de Kirino, abraçando fortemente o cd do Mordomo Negro. Meu coração bate acelerado.
Na minha cama, as palavras de Kirino voltaram várias vezes a minha mente.

[Imagem: ss7qbIO.jpg] 

‘Não importa os seus hobbies, eu não vou pegar no seu pé.’

E então... eu vou até o quarto dela.
Eu levo comigo um coração perdido em vários sentidos, e uma forte determinação.

O complicado sentimento de nostalgia e uma atitude despreocupada tomaram conta de meu coração.
O que eu vou dizer para aquela garota?

Com esses sentimentos, como os colocarei em palavras?
Mesmo sem certeza da situação eu abro a porta.

Eu só pensei na primeira frase que vou dizer.

Eu ligo as luzes e subo na cama de Kirino. Em seguida lhe dou um tapa no rosto.

-Que? Quer morrer?

Kirino me dá um chute e eu caio da cama.

-Quieta!
-Seu babaca! Pervertido! Siscon! Porque não morre?

-Eu disse pra ficar quieta! Sabe que horas são?
-Sabe que horas são? Eu que devia perguntar! Imbecil!

-...
-Então, o que você quer?

-...Eu tenho que te falar uma coisa, então venha.
-Algo pra me contar, a essa hora da noite? Tsc...

-Sim.
-Não pode ser amanhã?

-Não, tem que ser agora.
-Por quê?
-Porque assim que tem que ser.

-...
-Então, ir pra onde?

-Pro meu quarto...
-Você é retardado?

Eu pego na mão dela e ela para de resistir.
Nossos quartos ficam um do lado do outro.

-Tudo bem, pode entrar.
-Certo...

Eu me sento na minha cama e aponto pro chão.

-Sente-se.
-Que? Tá maluco?

Eu jogo um travesseiro e ela pega.
Relutante, ela senta.

-Tá... e?
-Eu tenho...

-O que? Fala logo!
-Como eu disse... eu quero me consultar com você sobre a vida.

-...
-Conselho sobre a vida? Essa não é minha fala?
-Poisé.

-Hum... Sobre?
-Você me disse... que não era errado eu ter esse tipo de coisa.
-Você diz aquilo que eu disse pra você jogar fora?

-Sim.
-E?

-Você não vai me desprezar por aquilo, mesmo?
-Eu já falei... preciso repetir?

-Tem certeza? Absoluta?
-Sim, certeza, absoluta.
-Não vou te perdoar se for mentira.
-Porque não morre?

Eu ignoro e me levanto, eu puxo uma caixa que está debaixo da cama.

-O que? Você vai me mostrar isso? Eu já vi, é nojento!

Kirino fica muito vermelha.

-... Tem certeza que viu?

-Sim, foi quando eu revirei o seu quarto procurando o dvd da Meruru...
-Tsc Tsc... Kirino, você já assistiu Death Note?

Spoiler: bgm  

-Idiota, qualquer um já viu esse anime.
-Lembra como o Kira escondia o caderno?

-Ah!
Eu tiro as revistas pornográficas e abro um compartimento secreto na caixa.

Ali estava o que eu queria mostrar para Kirino.

-Ah! Ah! Ah! Isto... Isto é...!

Kirino fica muito surpresa com o que vê, pudera.
Drama cds de “O melhor primeiro amor do mundo”, “Puro Romance”, “Gravitação”...

-Toda a coleção de “Clube do óculos”!? Esse ainda nem saiu o anime...

-Esses são só os que eu estou escutando esses dias, minha coleção completa está escondida na casa do meu amigo, a gente divide.

[Imagem: ZAfcQVs.jpg] 

-V-v-você... você é fudanshi?

Opções:

-Sim, yaoi para a vitória! 
-Sim, e tenho tara por óculos!
-Não, era só uma pegadinha. Hoje eu acordei muito zoeiro. 

Spoiler: comentários  
Dessa vez apenas três, votem consciente!
Só vale votar em uma opção!

A votação vai durar 7 dias, pois preciso pesquisar materiais bishounen (no bom sentido). 
Aceito sugestões.

Já aviso que a fic não será 18+, se quiserem fazer spin-offs 18+ fiquem à vontade, mas não esqueçam de usar a tag 18+ quando fizer o tópico.

Por curiosidade, eu cheguei a escrever as rotas do segundo e terceiro colocados hehe.

Spoiler: comentários  
O resultado da votação da semana (que deveria ser na semana passada mas enfim)!

[Imagem: oVghfTL.jpg]

Pelo visto não é agora que teremos uma rota com meganes...



A opção vencedora foi:

Sim! Yaoi para a vitória!

Spoiler: Sim, yaoi para a vitória!  
15/12- Domingo, tarde
 
[Imagem: YwztQpT.jpg] 

Meu nome é Aragaki Ayase.
Eu sou a melhor amiga de Kirino, e trabalhamos juntas como modelo.

Spoiler: bgm  

Quando eu estava dando uma volta pela cidade, de repente vi o onii-san, como eu chamo o irmão de Kirino, de longe.

Pensei em chamá-lo, mas por algum motivo mudei de idéia... ele estava junto com um rapaz, senão me engano já os vi juntos algumas vezes.

-Kouhei, não é por aí!
-Hã? Aonde você quer que vamos...
-Acho que a gente pode ir no fliperama e tal.


[Imagem: PZlntF4.jpg] 


-Ah, pera aí então, deixa eu ver se eu tenho grana...
-Bobinho, hoje é por minha conta. - diz Kyousuke sorrindo, fazendo o sinal de positivo com o polegar.

Aparentemente nada fora do normal, dois amigos rapazes indo a um fliperama... mas algo me diz que é melhor eu observar com cautela. Então com minhas habilidades ninjas eu os sigo nas sombras.


[Imagem: rKZwyvX.jpg] 

O que? Está dizendo que eu sou uma stalker? Pois acho bom que pense com mais carinho, porque eu já matei um ou dois leitores que tentaram me ofender. Ah, fico feliz que você seja do tipo compreensivo.

Spoiler: abertura  

Voltando a minha... investigação. 
Eu sigo os dois até o fliperama.

Spoiler: bgm  

-Ah você estava com créditos sobrando no cartão daqui, não precisava ter feito tanta pose.
-Eu queria causar uma boa impressão, como seme.

-Seme? hahaha. Mas você é o cara mais uke que eu conheço, nem adianta forçar!
-Nem é- Kyousuke faz um biquinho, olhando pro lado.


[Imagem: AgIsuEH.png] 

Quase ele me viu, mas eu me escondi rápido e fingi assistir um garoto que estava jogando um jogo de carros.

De qualquer forma, que conversa foi essa? Eu anoto as palavras que eles usaram e eu não entendi em meu caderninho. Quando eu lembrar, eu procuro no  google. Quem sabe assim eu não descubro algo que agrade o onii-san para quando... Mas depois falamos sobre isso, agora os dois rapazes estão indo para o UFO catcher, aquelas máquinas que você tenta pegar um bixo de pelúcia com uma garra.

[Imagem: tzFoBl2.jpg] 

Ele realmente quer aquele bixinho de pelúcia com tapa-olho... Pra quem será que ele quer pegar? Tem cara de ser algo que a gata gatuna gostaria... mas ela já chutou ele, será que ele é masoquista?

Ele podia pegar um para mim...
Tem um tigrinho tão bonitinho segurando uma faquinha.
Essas pelúcias parecem bem pouco convencionais, agora que reparei.
 
Continuo observando atentamente. 
Após mais algumas tentativas parece que eles desistem.
O outro rapaz, o tal de Kouhei, coloca a mão no ombro do onii-san, que parece desolado. 

Ele queria mesmo pegar aquele bichinho...

[Imagem: GyvRCdE.jpg] 

Opa, eles estão saindo. Vou enrolar um pouco antes de seguir, senão vai ficar muito óbvio.
Quando finalmente eu saio eu escuto uma risada maléfica feminina atrás de mim. 

Eu me viro mas não consigo identificar de onde veio. 
Melhor deixar quieto. 

Prossigo em minha investigação.

Para onde eles foram... achei.
Eles agora estão em uma lanchonete.

-Isso é para você.
Kouhei entrega uma caixinha para oniisan e cruza os braços.

-Hã?
-Suco de cranberry 100% é a melhor cura para sangue fraco.

[Imagem: lUstusi.jpg] 

Spoiler: bgm  

-M-muito obrigado... Vai querer um pouco?

-Você dividiria seu amor por mim ou um presunto e ovo do café da manhã pela metade?
-P-pare com isso! - responde onii-san vermelho, enquanto Kouhei tenta alimentar ele, na boca, com um ovo frito.

-Está muito quente! – Onii-san pega o garfo contendo o ovo e começa a assoprar antes de comer cuidadosamente.
-Atsutsutsutsui... – sussurra onii-san gentilmente.

-E se eu for o café, você poderia ser meu açúcar?
-Que pergunta é essa?

Kouhei se levanta e anda até atrás do oniisan.
-Ora, vamos Kouhei...!


[Imagem: x6aoo5w.jpg] 

Oniisan ao ver a expressão maléfica no rosto de Kouhei se assusta, se levanta e corre até o canto da lanchonete.

-Porque corres?
Kouhei se aproxima lentamente.

-Eu estava me segurando desde que nos encontramos mais cedo. Deixe-me sugá-lo.
Onii-san tenta fugir, mas Kouhei o agarra pelos pulsos. 


[Imagem: vFtdT7h.jpg] 

Com a mão direita, ele segura o queixo do oniisan.
-Por favor, não. – oniisan tenta resistir. Kouhei vira o rosto de oniisan para o lado com a mão, expondo seu pescoço.

-Sua pele parece deliciosa, sem nenhuma marca de mordida. Te darei a cortesia de ter a sua primeira experiência na vida.
 
[Imagem: 5M0yMwo.jpg] 

Kouhei abre a boca para morder o pescoço do onii-san.
-All out! Vem com tudo! All out!
Diz oniisan enquanto está sendo...

Eu-eu não posso continuar assistindo isso!

[Imagem: kJuBk0e.jpg] 

Pa!
Com o barulho, eu saio correndo. 

-Hum... Seme... uke? Interessante.

Uma garota diz enquanto pega e lê o caderno que Ayase deixou cair no chão.

16/12 - segunda - de madrugada

-V-v-você é fudanshi?
Me perguntou a minha irmãzinha.

-Sim! yaoi para a vitória!

Spoiler: bgm  

Kirino fica chocada e não sabe o que dizer, fica boquiaberta.
Acho que foi muito para ela.

[Imagem: bz0fqRQ.png] 

-Kirino, é melhor você descansar. Depois continuamos essa conversa.
-... Você promete? Eu ainda tenho muitas perguntas, mas agora eu não sei nem por onde começar...

Kirino fica pensativa, como se tivesse tentando resolver um quebra-cabeças complicado.
-Eu prometo. Afinal fui eu que comecei toda essa história.

-Mas... você... mesmo? De verdade?
-Não entendi a pergunta.
-Tsc, você deveria morrer. Então, até depois.

Kirino anda meio tonta até a porta, e a fecha devagar ao sair. Afinal, é muito tarde, qualquer barulho pode acordar nossos pais.

16/12 - Segunda - meio dia

Eu volto para casa da escola.
-Cheguei.

Eu ando pela sala de estar, quando olho para o sofá algo parece fora do lugar.
Um rapaz de estatura baixa está lendo uma revista de moda.

Ele tem cabelo curto loiro, e olhos verdes, como um galã de cinema. 
Parece um tanto mais novo que eu.

Suas roupas... me parecem muito familiares.

-B-bom dia.
-Hahahahahahaha. Você é idiota?
O "garoto" diz isso após largar a revista, enquanto aponta para mim.

Nesse momento eu percebi que nossos atos podem ter conseqüências inimagináveis. 

É assustador. É como se o cara lá de cima estivesse se divertindo muito enquanto brinca com fios invisíveis presos ao corpo das pessoas.

"Esse aqui eu vou levar até aqui... não, não! Está muito sem graça! A vida desse cara precisa de mais conflito."

-O que houve? Parece pálido... onii-chan.

[Imagem: sHgWw3F.jpg] 

Isso é terrível. Eu não sei o que fazer.
Preciso de um tempo para pensar...

O que devo fazer?

-Pedir conselhos para alguém 
-Fingir um desmaio
-Pensar com calma e resolver sozinho

Votem e tal.
O prazo vai ser 4 dias dessa vez.

Spoiler: Pedir conselhos para Alguém  
[Imagem: FrBd37h.jpg]

A opção vencedora foi:

Pedir conselhos para alguém

-O que houve? Parece pálido... onii-chan.

Isso é terrível. Eu não sei o que fazer.
Preciso de um tempo para pensar...

Eu vou andando devagar de costas até a porta de entrada da casa, Kirino me segue com um sorriso maléfico.
Preciso de reforços...

Nesse momento a campainha tocou uma vez. 
Aquele barulho da campainha soou como uma música divina para meus ouvidos.

Afinal, pior do que tá não fica?

Eu abro a porta instintivamente, 1 milésimo de segundo depois do som da campainha.

Se é que é possível, a cena que eu vejo do lado de fora da casa é ainda mais bizarra que a de dentro. Ou não, não sei, a disputa é acirrada.
Não consigo identificar essas duas pessoas, mas aparentemente é um casal. Suas roupas são...

Spoiler: abertura  

Spoiler: bgm  

[Imagem: tFSuMfG.jpg] 

Eu - Gokou Ruri, nesse momento estou assistindo enquanto Ayase corre com os olhos cheios de lágrimas.


Ela deixa cair um caderno.
O que Belphegor faria em meu lugar...?

Inicialmente eu ia visitar a Kirino, mas no caminho eu vi que Ayase estava stalkeando aqueles dois e pensei que seria divertido acompanhar. 
Tenho que pensar em como colocar essa situação toda a meu favor. Primeiro de tudo...

16/12 – manhã

Estou em frente a porta da casa de Ayase, eu preciso devolver o caderno dela.
Além disso...

-Kuroneko?
-Ayase, você está bem?

Inicialmente eu fui à escola dela, mas não a encontrei lá. Então eu vim aqui até a casa dela.
Ah essa mala que eu estou carregando? Não ligue pros detalhes.

-Sim, eu já estou um pouco melhor...
-Aquela cena deve ter te traumatizado.

-Hã? Do que você está falando? E essa mala?
-Vamos entrar.

Eu ordeno como se fosse a dona da casa.
Na mesa, enquanto tomamos o café da manhã, eu entrego o caderno.

-Vou ser direta. Eu vi tudo, eu sei de tudo.
-...
-O que você vai fazer?
-Eu... eu não sei.
-Tsc.
Eu pego meu celular do meu bolso.

-Você não viu o facebook da Kirino hoje?
-Facebook dela...?

Eu abro a página do facebook no celular e mostro a ela o que eu queria mostrar, a página do perfil da Kirino.

[Imagem: Kn1y02d.jpg] 

-Mas... isso é...!
-Você vai desistir? Mesmo? Veja como a Kirino está lidando com isto! Ela descobriu recentemente, e não demorou para tomar sua decisão. Você quer ficar para trás de novo?

-...
-Acho que estou perdendo meu tempo aqui.
Eu olho pro relógio e começo a me levantar.

[Imagem: Hdpxud0.gif] 

-Espere!
A garota a minha frente pega na manga da minha camisa, com os olhos cheios de lágrimas.

-Você... pode me ajudar?
Eu só estava esperando essas palavras, tudo de acordo com meu keikaku.
Ps: 'keikaku' quer dizer 'plano' no idioma japonês.

Eu olho pra mala... calma, sua vez ainda vai chegar.
Então abro minha bolsa e pego uma tesoura de cabeleireiro.

-Vamos para um lugar mais apropriado.
-Muito obrigada.
Ela agradece inclinando bastante a cabeça.

Spoiler: bgm  

-Eu conheço um corte perfeito para você.
Estamos em um parque próximo. Como é cedo não tem quase ninguém.
Quando eu terminei de cortar o cabelo de Ayase... o que é essa sensação?

Meu coração bate mais rápido. Levo um de meus dedos até debaixo do olhos... são lágrimas.

[Imagem: zFcAUSF.jpg] 

Eu poderia fazer um poema para descrever esse momento.

-Shikkoku...
-?

Eu... não é justo! Eu criei uma obra prima, estou impressionada com as minhas habilidades com a tesoura. Porque tão perfeito? Várias horas de treino valeram a pena...

-Ayase... me promete uma coisa?
-Sim, o que?

16/12 – Segunda – Meio dia

Suas roupas são... aparentemente as duas pessoas estão de cosplay de algum anime, que não lembro o nome. Seus rostos estão cobertos com uma máscara que lembra um smile feliz, com os olhos puxados.

[Imagem: 2Vjb8bV.jpg] 

-Mas, o que...?
Antes de eu continuar, Kirino aparece do meu lado e fica tão confusa quanto eu.
Uma das pessoas misteriosas, o rapaz, estende sua mão para frente de uma maneira pomposa.

-Meu nome é Shiniya Kurusu. Esse rapaz a meu lado se chama Lucifer. – disse a garota, mais baixa que o rapaz, enquanto ele permanece quieto com a mão estendida.

-Não me diga que vieram levar nossas almas, por termos sido pecadores? – Kirino fala com voz de deboche.

[Imagem: wYEneP7.jpg] 


-Alma...? – o rapaz mascarado indaga com uma voz surpresa, enquanto coça a cabeça com a outra mão.

-É um conceito primitivo que usam neste mundo. Aparentemente eles acreditam que cada corpo tem uma alma, as crenças a respeito variam bastante, entretanto... De qualquer forma!

A moça mascarada pega a minha mão e me força a cumprimentar o rapaz.
-Vão juntos em direção ao horizonte! Eu tenho algumas palavras para trocar com esta senhorita aqui...

Não dá tempo de eu responder, o rapaz mascarado pega em minha mão e me leva embora. Quando eu me viro para conferir o que acontecia em frente a minha casa, vejo que a garota tirou a máscara. Mas como a vejo de costas, não consigo identificar de quem se trata...

-Chegamos, é aqui o nosso destino final.
Paramos em frente a uma árvore como daquelas de halloween, cheia de galhos secos e sem vida.

O rapaz admira a árvore por alguns instantes, enquanto passa os dedos pelo caule. Em seguida apoia suas costas na árvore, enquanto olha para cima.

-Quem é você? – é minha primeira pergunta.
-Tu não me... reconheces? – a voz veio tremida junto com um breve choro. Por um momento a tonalidade dessa voz mudou totalmente.
Lentamente ele tira a máscara...

-Eu sei de tudo...
A figura à minha frente tirou a máscara, e eu demoro a acreditar em meus olhos.

[Imagem: nsFu3AB.jpg] 

Se não me engano esse cosplay é de um anime que a Kuroneko gosta... Se chama Maschera? O cabelo está idêntico ao cabelo do protagonista.
Mas... o protagonista de Maschera é um rapaz, e o que vejo a minha frente é...

-Oniisan. Precisamos conversar.
É exatamente o que você está pensando! Ayase além de seguir a moda de Kirino... foi além, ela virou uma personagem de anime!

Spoiler: bgm  

-A-ayase...?
E ela tem uma tendência homicida, um passo em falso e essa fanfic termina em um bad end...

Ayase finge uma tosse.
-Onii-san...você pode me matar, como o prometido.

O que? Acho que quem corre risco de vida aqui sou eu... eu estou tremendo muito. Tento fingir, mas acho que deve ser perceptível.

-Todo o ódio do mundo está centrado em mim, como o planejado.
-...

-Então tudo que lhe resta fazer, é apagar minha existência... e colocar um fim nessa corrente de ódio.
Que diabos ela tá falando?

-Os Diablo hability users – diz ela com um engrish engraçado – carregarão a lenda de Shikkoku para as próximas gerações.
...

-Belphegor trabalhará para Shikkoku. E agora o mundo pode ser unido em uma mesa, não através do exército dos demônios, mas através de negociação e conversa.

Quem me dera se desse pra resolver esse problema na conversa e negociação.

-Agora eles poderão abraçar o futuro!

Ayase faz uma pose estendendo o braço direito para o lado.
Em seguida ela me entrega a máscara de smile.

-Mas, o que?
-Sim.

Spoiler: bgm  

Ayase se aproxima e me beija na bochecha.
-Onii-san... case-se comigo!

-…

-Esse é o início de nosso mundo juntos! Todos os conflitos acabarão... – Ayase enxuga às lágrimas.- Eu falarei com Kirino! Eu posso convencer ela... eu consigo... Mas para isso você tem que...
-Ayase...

Eu afasto ela, segurando os pulsos dela com minha mãos.
Eu ofereço a máscara de volta.

-Isso é uma ilusão. Sempre haverão problemas complicados a enfrentar... Foi a conclusão que eu cheguei.
-Oniisan!

Ayase, pega a máscara e joga no chão.
Ela começa a chorar.

-Me desculpe novamente, Ayase. Eu... não consigo deixar de gostar daquela pessoa.
Ayase chora por mais um tempo. 

-Vamos embora.
Eu estendo a mão. Ayase dá um tapa nela.

-Onii-san... onii-san é o pior de todos!
-Eu sei. – me sinto muito patético respondendo.
-Tem que ser homem? Porque? Porque? E se... tentarmos curar...?

-...
Eu sou humano, é muito difícil para mim ver uma garota chorar em minha frente e não poder fazer nada... o que eu posso falar para consolá-la? Aliás, consolar não seria pior?
-E se eu fizesse cirurgia?
-Não!

Ayase pisa em meu pé.

-Kirino não vai ser tão boazinha quanto eu. Ela realmente gosta de você! Te desejo todo o azar do mundo! Considere isso uma maldição.
Ela joga a máscara em mim, com muita raiva e corre até chegar a um ponto no caminho aonde ela encontra a pessoa que estava junto com ela na entrada de minha casa. Era Kuroneko, obviamente.


Eu observo por alguns minutos, então decido voltar para casa.
 
16/12 - manhã

[Imagem: s4F2Ak0.gif] 

-Se aquele idiota te chutar de novo... você me dá uma chance?
-... Se o oniisan me rejeitar mais uma vez... Eu não terei mais vontade de nada. Você pode fazer o que quiser comigo.

-Você está arriscando tudo isso?
-Sim! A Kirino está arriscando muito mais que isso, eu não posso ficar atrás...

Eu estou impressionada, arregalo meus olhos.


[Imagem: f7eiVgT.png] 


-Hehe. Foi melhor do que o planejado...

Eu me aproximo e dou beijo na bochecha de Ayase, que fica vermelha.

16/12 – Tarde

O que será que Kuroneko disse para Kirino?
Eu estou na cama, com as roupas trocadas após um banho, pensando nisso.

A situação está complicada... se continuar assim, meu fetiche corre grande perigo!

A Kirino não hesitaria em contar para meu pai, nem um pouco...
E eu não sei mais nem quem é aliado e quem é inimigo!

Eu acho que eu devo...

-Ligar para Manami.
-Visitar Kirino em seu quarto. 

5 dias para votarem.
Eu me senti mal escrevendo esse capítulo Icon_cry

Resultado:

[Imagem: MqSmk0m.jpg]

16/12 – Noite

-D-double Date???
-Sim. Eu e a Ayase. Você e o Kouhei.

Disse Kuroneko no telefone.

-Na véspera de natal, né? Hum... tudo bem. Eu vou falar com ele.

Disse isso apesar te ter um péssimo pressentimento.

-Já avisamos ele.

O que?

16/12 – Tarde

Spoiler: bgm  

Voltando onde paramos... eu vou até o quarto de Kirino e abro a porta devagar.

A Kirino que vi era totalmente diferente de qualquer coisa que eu tenha visto até agora... se bem que...

[Imagem: utChS51.jpg]

Com um penteado extravagente e uma roupa mais extravagante ainda... As unhas pintadas cada uma de uma cor diferente. Minha irmãzinha estava em sua cama fumando um...

-Kirino, você está fumando crack?
-Você é idiota? É sálvia.
-O-o... O que aconteceu com você?
-Eu quis ampliar meus limites. É isso o que estou buscando, fazer história.

Será isso uma espécie de chuunibyou ocidentalizado?
-Eu senti que poderia finalmente ser a vagabunda que realmente sou.

Não podendo mais salvar aquela pobre alma perdida eu saio discretamente daquele quarto.

Os dias passam rapidamente um atrás do outro.

E logo é véspera de Natal.

Spoiler: abertura  

Spoiler: bgm  

24/12 – Tarde

-Então o rei do yaoi disse "Sabe uma coisa, mas acho que é pesado eu falar... Já transei com um cosplayer... em um evento... nas escadas". - diz Kouhei.

Estamos em um Maid Café. À mesa, eu do lado de Kouhei e do outro lado Kuroneko com Ayase, presa por uma coleira.

-Esse evento foi cancelado, não? - perguntou Kuroneko.
-Sim, ficaram todos na porta no segundo dia...

Eu nunca ouvi falar nessa história.
-Me desculpem, vocês podem nos deixar a sós? Temos um assunto pra resolver...

Ayase olha para Kuroneko com uma cara chorosa.
Kuroneko arrasta ela dali e elas se levantam.

-Feliz natal pra vocês... ou será que...
Kuroneko dá um sorriso maligno e balança a capa de seu cosplay quando vira de costas.
Ayase, sem escolha é arrastada pela coleira.

-Ufa, achei que elas iam aprontar algo meio pesado...

Eu realmente estava com medo.

-Kyousuke... tem algo que eu preciso de falar. Eu sinto muito.
-Hã?
-Eu... estou namorando o Miura.

Spoiler: bgm  

Não pode ser!

-Eu sei que eu falei tantas coisas... mas... não teve jeito... Foi mal, eu não sei o que dizer.

Eu olho pela janela e vejo nuvens negras. Vai chover nesse natal, como dizia a previsão.

-Kouhei, vamos parar de nos ver... e de nos falar.
-Kyousuke...

-Você... Não seria justo... Eu odeio a pessoa que você mais ama, eu queria ver ela morta nesse momento... (mesmo que ele use óculos)... Mas eu não consigo te odiar.

Eu acho que estou chorando.
-Me desculpe...

Subitamente eu acordo... essa é... a cama de Kirino?

25/12 – Madrugada

-Oniichan...

Kirino estava em cima de mim.

-O que aconteceu? Porque eu estou aqui?

-Você tomou muita cachaça e desmaiou.
-O que? Porque? Eu não lembro de nada!

Minha cabeça dói bastante.

-Oniichan...

Kirino me olha com uma cara séria.

-Sim?
-Você estava tentando se matar?
-Eu não sei! Eu não lembro de nada!

-Hihi.

Kirino sai de cima de mim e pega na manga da minha camisa.

-Finalmente poderemos...

Eu estou vendo tudo meio torto.

A altura é imensa. A água deve estar à uns 50 metros abaixo.

Kirino pega na minha mão e subimos o degrau...
O som do vento quando estou em queda livre... de alguma forma é agradável.

A iluminação também é muito bonita.

26/12 – Tarde

Várias pessoas vestidas de preto.

Ayase chora bastante. Kuroneko se aproxima e lambe suas lágrimas.

-Ruri! Estamos em solo sagrado...
-Esse solo é o mais amaldiçoado do Japão, graças àqueles dois.

Kuroneko segura forte na mão de Ayase.

Kouhei se aproxima de uma lápide e deixa um óculos junto às várias flores e doujins que estão em cima dela.

-É autografado pelo Atsushi Tamaru. É o mínimo que eu podia fazer...

Kouhei cai de joelhos e começa a socar o chão.

10 anos depois...

24/12 – Noite

[Imagem: wZvErYY.jpg]

Spoiler: bgm  

Olá, eu sou a Bridget Evans. Eu tenho 20 anos, nasci na Inglaterra, sou uma cosplayer profissional e...

Nesse momento estou em frente àquele Maid Café em Akihabara.
Eu vasculho dentro da minha bolsa... e logo encontro o que eu procuro.

Ah é esse maid café... o lugar onde se encontravam o lendário fudanshi e sua lendária irmãzinha otaku incestuosa.

Depois que aconteceu aquilo, esse lugar virou um ponto turístico, quanta gente vem pra cá!
Quem passa a véspera de natal em um maid café? Perdedores!

Lendas devem ser repintadas...

Vermelho?
Dentro da minha bolsa tiro uma glock calibre 40.

Ouve-se alguns estrondos e pessoas gritando.
Sem dúvidas foi um natal bem brutal aquele...

Poisé, feliz natal para todos.

[Imagem: vpjCQeW.jpg]

Fim
Responder
 #2
gente, isso tá mto lindo ashuasuhshau

eu li tudo ok
Responder
 #3
Eu também , está legal jasque continue assim Icon_lol
Responder
 #4
Eu li até aparecer a imagem do Kyousuke e vim aqui perguntar: Onde voto pra levar ele pra um bad end?
Posso levar a Kirino junto? Icon_rolleyes

Editando para não fazer novo post.

Aham... putz
O que foi isso véi?
Spoiler:  
[Imagem: 4l10q.png]

Rachei o bico aqui rindo desse diálogo kkkkkkk
Ainda to rachando

"No contexto aqui “Você é idiota?” significa “Eu quero ir, mas preciso fazer doce""

Muito melhor que a porcaria da 2º temporada xD
Mas e aí, onde clico pros bad end?
Responder
 #5
eu ia deixar pra depois, mas fiquei curioso, e ja falo que quero que termine de uma forma lesbo 
kirino x ayase, kuroneko x kirino, kuroneko x ayase, o kyousuke que se lasque.

tinha até começado a bolar uma fic kuroneko x ayase depois que elas foram rejeitadas, tenho até umas idéias
Responder
 #6
Gente tem espaço pra 40 opções se quiserem sugerir mais alguma resposta, eu me viro depois pra encaixar uma rota xD
Responder
 #7
Sim, eu sou um idiota, por estar perdendo meu tempo com você, sua vaca.
Se isso rolar eu vou rir pra caramba.
Responder
 #8
Agora com certeza o final ideal será feito Icon_coolIcon_lol
@jasque Curti demais tua ideia xD
Responder
 #9
@jasque Parabéns! Muito bem feito!
Qual seria o nome disso? VF (Visual Fic)? HAHA!
Espero que você termine.
Responder
 #10
(07/09/2013, 01:38)Oiacz Escreveu: Mas e aí, onde clico pros bad end?

Dá pra ter uma idéia, mas tem umas pegadinhas Kyuubey

Chutem quais vocês acham que é bad end lol

Essa votação dura 1 semana, mas já teve mais votos que o esperado xD

Talvez eu teste escolhas mais rápidas depois pra ficar mais dinâmico.
Responder
Páginas (15): 1 2 3 4 5 ... 15 Próximo »

Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes